02
Fev 10
Por

Filipe Lobo d´Ávila

, às 17:20 | comentar

 

 

Quis a coincidência - ou o destino - que um dia depois da censura da sua crónica no JN, Mário Crespo viesse às jornadas parlamentares do CDS (inicialmente convidado para falar sobre o primeiro ano da governação Obama) abrir o livro.

 

Mário Crespo contou, pela primeira vez e na primeira pessoa, alguns dos pormenores do episódio da censura da sua crónica no JN.

 

Aquilo que contou foi, de facto, impressionante.

 

Para além de deixar mal na fotografia "muito boa gente", não deixará de marcar a actualidade dos próximos tempos.


Dê lá mais pormenores! E por favor não deixem morrer o blog, uma das lufadas de ar mais frescas da blogosfera...
Luís de Aguiar Fernandes a 6 de Fevereiro de 2010 às 03:41

Este post deixou-me curioso. Gostaria de saber que coisas tão impressionantes contou Mário Crespo na jornadas parlamentares do CDS (ainda que já nada me espante depois de se descobrir o escandaloso plano de José Sócrates para controlar a Comunicação Social). Parece que em Portugal se deixará de falar em "asfixia" da democracia, para se começar a falar na "morte" da mesma.
Parabéns pelo bom trabalho no blog.
BrisolaXXV a 6 de Fevereiro de 2010 às 11:33

Contou, entre outras coisas, a conversa que teve com o Director do JN, na véspera da publicação da crónica.
A forma como lhe confirmaram a conversa entre o PM, Ministros e Director de uma TV.
E os adjectivos alegadamente utilizados pelo PM nessa mesma conversa quanto à sua pessoa e quanto ao Medina Carreira. Informou ainda que irá publicar um livro onde publicará esse mesmo testemunho.

O episódio TVI só parece vir confirmar a forma como o actual Governo se relaciona com os órgãos de comunicação social...

Obrigado pelos comentários sobre o blog.
Filipe Lobo d´Ávila a 8 de Fevereiro de 2010 às 12:18

Na última fila da bancada do CDS-PP sentaram-se no primeiro dia, por acaso ou providência, os quatro deputados mais novos da bancada. Juntam-se virtualmente neste espaço para continuar as discussões após o fim dos trabalhos. Junte-se, leia e debata as opiniões dos deputados… Da última fila.
Autores
Cecília Meireles Graça
Filipe Lobo d´Ávila
João Pinho de Almeida
Michael Seufert
Arquivos
Pesquisar